olivia maia - escritora desterrada. meio artista.

por se livrar desses criminosos homicidas que moram em mim

aí que no final das contas você encontra uma solução sem precisar apagar aquelas últimas seis páginas e mudar toda a cronologia inicial da narrativa, e ok, temos um começo.

então escreve mais uma página e vai ver uns quatro episódios de castle que é para distrair um pouco e deixar a ideia assentar.

31-jul-teo2

dois livros começados (o outro é esse aqui). enquanto os personagens do primeiro vão virando gente na minha cabeça, vou tocando esse segundo, que já tem personagens muito conhecidos e todos muito gente, gente até demais.

gosta do meu trabalho?

receba novidades por e-mail: assine a newsletter.

apoie minha produção e receba em casa o zine rabiscologia.