olivia maia - escritora desterrada. meio artista.

dos medos

na verdade quanto mais convivo com professores e ouço de professores que há muitos anos dão aulas — e veja que estou falando de escolas particulares — mais me parece assustador dedicar a vida a esses projetos-de-gente que são os adolescentes (e as crianças), e deixar-se despedaçar por esse eterno reencontrar-se com o passado, o eterno reinventar-se para ser percebido, e o choque das gerações que passam a viver juntas ao mesmo tempo dentro de você.

mas então, eu…?

gosta do que eu escrevo?

receba novidades por e-mail: assine a newsletter.

colabore com meu trabalho: compre meus livros ou faça uma contribuição única ou mensal.