olivia maia - escritora desterrada. meio artista.

última parada: la paz

porque quando uma viagem de quatro horas de ônibus é "rapidinho" é sinal de que está na hora de descansar um pouco. certo que as cinco horas de caminhada ontem têm grande responsabilidade nesse aspecto, mas deitei aqui na cama do último hostal da viagem e meu deus, cama.

buena! agora pras coisas de cidade grande. e o chacaltaya.

gosta do que eu escrevo?

receba novidades por e-mail: assine a newsletter.

colabore com meu trabalho: compre meus livros ou faça uma contribuição única ou mensal.